4 problemas que a fraude causa

4 problemas que a fraude causa

Proteger a reputação da sua loja virtual deve ser a sua prioridade, pois quem atua nesse mercado, sabe que a fraude pode trazer muitos prejuízos para a empresa, porque sempre que houver um pedido de devolução, quem vai arcar com reembolso sempre será o empresário.

Se não houver um plano de prevenção eficiente, isso pode se tornar cada vez mais comum em sua loja e, consequentemente, pode comprometer a saúde financeira da empresa.

Por essa razão, listamos 4 problemas que a fraude causa para te ajudar a identificá-los e solucioná-los imediatamente.

 

 

Quais os problemas causados pela fraude?

1. Entrar no programa de chargeback

O chargeback é uma solicitação de devolução de uma venda feita através do cartão de crédito ou débito. Isso pode acontecer pelo não reconhecimento da compra pelo dono do cartão.

Após realizar a venda, o lojista descobre que o valor referente a ela não será creditado, em virtude de ter sido considerada fraudulenta ou inválida. Caso já tenha sido creditado, o valor é estornado imediatamente.

O programa de chargeback é um sistema antifraude que tem como objetivo proteger o consumidor, dando a ele maior segurança na hora de realizar as transações com o cartão de crédito, principalmente no e-commerce.

É importante você saber que o lojista somente será notificado que entrou no programa de chargeback, se superar a taxa de fraudes aceitáveis, que é de até 1%.

Caso isso ocorra, a operadora de cartão de crédito irá notifica-lo de que a sua loja virtual precisa diminuir esse índice em determinado prazo, sob pena de multa e, em último caso, ele pode perder o direito de vender com determinada bandeira cartão de crédito.

Para sair do programa de chargeback você terá de assumir compromissos com a operadora do cartão garantindo que terá redução nesse índice. Para isso você pode contar com a ajuda de um sistema antifraude que auxilia na captura das fraudes.

2. Diminuição no número de consumidores

Seus prejuízos podem ir muito além dos danos financeiros, ou seja, a fraude faz com que você corra um sério risco de perder sua credibilidade perante seus consumidores.

Se um cliente tiver seu cartão de crédito “clonado” na sua loja online, ele pode ficar com medo de comprar novamente e pior, ele pode contar o que aconteceu para outras pessoas, fazendo com que a credibilidade da sua loja diminua e o número de clientes também.

Por mais que a maior vítima das fraudes seja o e-commerce, vai ser muito difícil o consumidor conseguir entender quem é o verdadeiro responsável pelo golpe.

3. Prejuízos com transportes

Outra perda que o comerciante também pode ter é com o transporte. Pois, o valor pago pelo frete não será suficiente para arcar com todos os gastos compreendidos, como deslocar um ou mais funcionários para realizar uma entrega desnecessária, gasto com gasolina, perda de tempo, embalagens e outras despesas que fazem parte de uma venda.

4. Prejuízos com multas dos cartões Visa e/ou Martercard

As multas que você pode receber por ultrapassar a taxa aceitável de 1% de fraudes são contínuas e cobradas em dólar, podendo chegar até U$ 200,00 por cada chargeback sofrido.

Enquanto o seu negócio não chegar ao limite aceitável, as multas continuam e tornam-se ainda mais severas.

Como se prevenir?

Os prejuízos com a fraude vão muito além do chargeback, pois podem causar muitas preocupações, além de colocar em risco a atividade da sua loja online. Por essa razão, a melhor forma de combater a fraude é prevenir-se contra ela e, sem um sistema especializado, vai ser muito difícil você conseguir precaver-se.

Ter um sistema antifraude para vendas na internet é essencial para que o comerciante não seja lesado pela fraude. É preciso estar ciente de que os fraudadores estão se profissionalizando cada vez mais e não agem de forma isolada. Por isso, é necessário que você possua um serviço especializado para identificar as transações fraudulentas e eliminar esse risco de uma vez por todas.

Gostou das nossas dicas? Então, que tal compartilhar sua experiência conosco, deixando seu comentário? Participe!